OiToronto

Mais do que um simples nome

por
- Post atualizado em: 22 Jun 2011

Governo de Ontário revela os nomes de bebês mais registrados no ano passado. Brasileiros preferem nomes que possam ser pronunciados facilmente tanto no Brasil quanto no Canadá.

Esta fofura é a Alicia

Alguns dos nomes femininos mais populares em 2010 podem ser falados tanto em inglês como em português, sem alteração na pronúncia. Olivia foi o favorito das mamães e papais. Em segundo lugar ficou Emma, depois Eva, Emily e Isabella na quinta colocação.

A filha da brasileira Sandra R. que nasceu no dia 23 de novembro de 2010, quase recebeu o nome de Bella. “Acho lindo, adoro o nome Isabela, mas como já tenho uma prima e a filha de uma amiga com esse nome, daí pensamos em Bella, mas todo mundo perguntava se era por conta do filme “Twilight”, logo meu marido e eu desistimos. Depois fiquei em dúvida entre Alicia, um nome que acho meigo, ou Melissa, mas vi que este último estava muito na moda, já que conheço umas duas Melissas que nasceram só este ano (2010). Então acabei optando por Alicia, que foi o nome de uma aluna a quem ensinei português aqui, acho lindo, bem diferente, e mesmo assim fica fácil de se falar tanto em português quanto em inglês”, explica.

Já a desenhista gráfica, Ana Negretto escolheu para a filha que nasceu em abril o nome mais comum em Ontário, Olivia. “Eu não sabia que era um nome tão popular assim. Na verdade, quando fiquei grávida pela primeira vez, há quatro anos, tinha escolhido Olivia, caso fosse menina, mas acabou nascendo Thomas. Eu gosto muito desse nome, conheço apenas uma Olivia, que estuda com meu filho. Depois que minha filha nasceu foi que eu conheci outras três Olivias”, comenta bem-humorada. “Mas eu não me incomodo nem um pouco, o mais importante era que o nome fosse comum tanto para o Canadá, quanto para o Brasil, já que minha família é de lá e nós sempre viajamos”, finaliza.

E os meninos?

Já no ranking masculino, Ethan foi o mais registrado, seguido por Jacob, Matthew, Nathan e Joshua.

O casal Luciana e Moacir Mendonça não optou por Matthew por achar que o nome seria muito difícil de se pronunciar em português. ” Eu gosto muito de Mateus”, conta ela, “mas como seria complicado de ser pronunciado pelos canadenses, decidimos por Lucas. Tivemos o cuidado de também levar em consideração o sobrenome, imagine só Ethan Mendonca, e digo “ca” mesmo, já que aqui não se fala o cedilha? Não iria dar certo, além de que toda vez que fôssemos ao Rio de Janeiro seria muito difícil de apresentá-lo, aos amigos”, analisa. “Não gosto de Ethan ou Nathan por serem muito americanizados. Já Lucas é Lucas em vários cantos do mundo, tanto na Europa, quanto na Austrália”, completa.

E se você tivesse um filho ou filha aqui no Canadá, que nome escolheria para o seu bebê?

Por: Martha Rangel

Martha se formou em Jornalismo em Recife e veio para Toronto em 2006 para estudar Cinema, se formando pela Toronto Film School. [ email . facebook ]

  1. Para minha sobrinha Thábata que está esperando seu segundo bebê!
    eu particularmente amo Nathan, mas este já é o nome do meu filho rsrsrs
    então, Ethan é muito lindo também

  2. Todo mundo que mora no exterior e tem um nome que ninguém pronuncia direito sabe que sonoridade e pronúncia é um dos critérios mais importantes na escolha do nome do filho. Eu particularmente não aguento mais corrigir e soletrar meu nome (há 16 anos….) A não ser que os pais queiram que os filhos sofram sua vida inteiro corriginho os amigos e colegas, por favor, escolham com cuidado.

    Eu pensei muito no nome do meu filho considerando pronúncia e cultura. Fabio, por exempo, é um nome de pronúncia relativamente similar no Canada e no Brasil. Mas qualquer um que mora aqui há algum tempo sabe que Fabio é o nome de um ator de novela americano de cabelos compridos e loiros e que vivem sem camisa. E quando as pessoas usam o nome é em tom de gozacão. Infelizmente… mas é a realidade em que os filhos vão crescer. Ninguém quer que seu filho seja zombado na escolinha.

    Então fiquem longe de Bernardo (considerado um nome de pessoas de mais de 70 anos, e invariavelmente apelidado de Bernie, e também o nome de um famoso serial killer no Canada). Qualquer nome com “j” , “th” ou “r” é pronunciado muito, muito diferente em Inglês e Português (só um imigrante “fresh out of the boat” não ouve a diferença). Esquecam os populares “Ethan, Nathan, Josh, Jake.”

    Nomes de mulheres que terminem em “i ou e” vão ser sempre mal pronunciados que em Inglês, eles são mudos no fim da palavra (Juliani >> Juli Ann, Daniele >> Daniél).

    Eu optei por Lucas apesar de ser um nome que está ficando muito popular (conheco vários outros brasileiros com filhos morando no estrangeiro que optaram por Lucas e muitos canadenses). Já com meu segundo filho, estou tendo mais dificuldade…

    Meu marido (Canadense) não tem dó quando é para criticar minhas sugestões. Já me disse para esquecer qualquer nome em português que tenha 3 sílabas porque eles soam “maricas” e não combinariam com um jogador de hockey. Portanto, já risquei da listinha Felipe, Henrique, Fernando, Eduardo (são compridos — complicados para a média canadense, especialmente os que são terminados em “o” e pronunciados “ou” em Inglês = Fernandou)

    • leatrice Asthar disse:

      · Responder

      Muito boa as observações.
      Tenho a intenção de ir para o canadá com a minha familia até o final do ano. Minha filha se chama Ilah Hannah e tem 5 anos. Sonhei com o nome dela quando estava grávida e é hebraico, significa “a graça de Deus”.
      Como vão pronuncia-lo por lá? Será que vão fazer pilheria dele?
      bjos

  3. Eu amo dms o nome Logan!!!!!

  4. Interessante abordagem sobre a preferência de nomes.

    Abraços

  5. Carina disse:

    · Responder

    Alicia é minha prima lindaaaaaaaaaaaaaaaaaa

  6. Eu tenho 4 filhos meninos e escolhi sem pensar na imigração que veio recentemente quase 4 meses. São eles: Victor, Pedro, Vinícius e Heitor.

  7. Martha Lins disse:

    · Responder

    Oi Silvia,
    Eu também gosto muito de sophia, mas sou suspeita, ja que esse é o nome da minha sobrinha de 2 anos.

    bjos,

  8. Oi Martha .. ainda estamos em São Paulo, mas participando do processo work permit… bom tem um casal que está no processo tb (e a bebê acabou de nascer) colocou Isabella… por ser uma pronuncia simples…. mas eu acho bonito Sophia. bjos

  9. Oi Martha.
    Ótimo texto.
    Mas não escolheria um nome pensando na sonoridade dele ou proúncia! Para mim ele é muito importante ter esse critério de escolha. Um nome identifica, forma e somatiza uma pessoa. Deve ser considerados outros pontos no momento da escolha.
    Não teria problema em escolher um nome onde sua pronuncia seja mais fácil somente em uma lingua, sabendo que ele vai diferenciar e ser o melhor para minha/meu filha/o.
    Mais uma vez, parabéns pele texto!
    Abraços,
    Thiago Gringon

  10. Juliana disse:

    · Responder

    Eu amo Nicolas e Nicole… quem sabe se um dia eu for morar em Toronto e tiver um filho neh ;)

  11. Minha filha se chama Barbara e chegou aqui já com quatorze anos.
    Nem sonhava imigrar na ocasiao em que escolhi o nome. Dei sorte.
    Abs. Valter Barberini

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.

Leia também

Uma conversa sobre tatuagem
Brasileiro puxa carro solar de Niagara Falls até Toronto
OiToronto de cara nova e mais interativo